A Caixa Econômica Federal já iniciou os processos de pré-custeio para a safra 2017/2018. Segundo o banco, tanto produtores que já possuem conta, como novos terão acesso aos recursos. Ao todo a oferta de crédito será de R$ 6 bilhões e conta com recursos do Plano Safra 2016/2017.

Uma das novidades é que os novos clientes podem obter autorização de crédito diretamente na agência, sem necessidade de passagem por outros canais de análise internos, garante o gerente regional, João Henrique Cruz de Oliveira. “É possível contratar volumes de até R$ 1 milhão, liberados de acordo com o perfil do produtor e garantias ofertadas”, explica ele.

Os recursos desta linha antecipada, conta com uma taxa de juros de 9,5% ao ano e poderão ser usados para custear as lavouras de soja, comprar suas sementes, fertilizantes, defensivos entre outros.

Já os sojicultores que já são clientes do banco, poderão conseguir volumes de crédito ainda maiores de até R$ 1,8 milhão, sem a cobrança da tarifa de 0,5% de análise de crédito. Segundo o gerente, 16 municípios do interior de Mato Grosso, além de Cuiabá e Várzea Grande, agora têm mesas exclusivas para atendimentos de clientes do agronegócio. São eles: Água Boa, Campo Novo do Parecis, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Primavera do Leste, Rondonópolis, Sinop, Sorriso e Tangará da Serra. Em Cuiabá, nas agências Paiaguás e Miguel Sutil, e em Várzea Grande, na agência Couto Magalhães.

Fonte: Canal Rural

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *